27 março 2008

mais poesia a uma hora destas?




as palavras são coisas #2

se a tua boca as diz
se no teu rosto as vejo
as palavras são coisas
quando as fere o desejo

e quando dizes mar
e quando dizes norte
não sei se não me acerco
de um bocado de morte

e quando dizes barco
ou quando dizes esfera
há águas que transbordam
e inundam a terra

as palavras são coisas
as palavras são um perigo
se acaso as pronuncias
quando não estás comigo

e quando tu adormeces
muda num sonho fundo
tudo se desvanece
e deixa de haver mundo.



bilhete postal (H.S. 3B)

aos que fizeram da luta de classes um negócio
se deitaram das pontes mas com pára-quedas
se despediram do mundo e fundaram outra empresa,
fizeram da dor um carnaval
montaram takeaways de sentimentos
não poderemos senão desejar
os melhores votos de
uma feliz,
rápida,
morte.



abandono

a quem senão a ti direi
como estou triste? mas se a tristeza vem
de tu não estares, como ta direi, como hei-
-de juntar o que me está doendo ao ven-
to que não bate mais à tua porta? eu sei

que a tristeza é só isto, é só isto,
o descoincidir consigo mesmo, eu sei,
descoincidir com os outros, estava previsto
porque dentro de si o mundo não coincide e
não há senão tristeza. em cada um está Cristo

sempre abandonado, cada um abandonado
a si mesmo, sem princípio e sem fim,
pois no princípio o amor era dado
promessa de te ter sempre junto a mim
não ausência, nem dor, nem habitado

ser por este absurdo. morrer
um pouco, disse, sem saber o que dizia
pois eram só palavras, como se a prometer
tudo aquilo que havia e não havia.

não haver palavras és tu a desaparecer.



bernardo pinto de almeida
(à minha cabeceira)

6 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Muito bonitos, pertubadamente bonitos. Obrigada pela partilha.
Sim, a Primavera...

quinta-feira, março 27, 2008 3:09:00 da tarde  
Blogger barb michelen said...

Hello I just entered before I have to leave to the airport, it's been very nice to meet you, if you want here is the site I told you about where I type some stuff and make good money (I work from home): here it is

sexta-feira, março 28, 2008 3:32:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Conseguiste arrancar mais um sorrizinho desta miúda, feita de flores e de palavras que ardem. Sim, a Primavera ....

sexta-feira, março 28, 2008 11:00:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

És the "perfect stranger", mesmo ao lado dos "beautiful loosers" (e esta observação não é de todo depreciativa, bem pelo contrário, porque existem coisas que só se insinuam aos olhos de alguns, os restantes são passageiros). És sim senhor!
Fumemos outro cigarro esta noite. Dois estranhos e dois cigarros solitários!

sexta-feira, março 28, 2008 3:15:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

dois estranhos e dois cigarros solitários.
assim vai este nosso mundo.

far from beautiful, and much far from perfect.
stranger and looser - that's ok.

flores.

(and thanks, anyway)

sexta-feira, março 28, 2008 6:16:00 da tarde  
Blogger Abssinto said...

Obrigado, grande Gi

domingo, março 30, 2008 10:13:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home